administradora de consórcio

Administradora de consórcio: o que ela faz e como escolher?

Com o apoio de uma boa administradora de consórcios é possível fazer investimentos seguros e com valores mais interessantes, em comparação aos praticados pelos financiamentos. No entanto, alguns cuidados precisam ser tomados na hora de entrar em um consórcio e um  deles é conhecer bem sua administradora. 

Quer saber mais sobre uma administradora de consórcio, quais são as responsabilidades e como escolher aquela que atende às suas necessidades? Então continue a leitura!

O que é uma administradora de consórcio?

Ela é uma pessoa jurídica com todos os direitos e deveres legais inerentes ao negócio, com respaldo para formar e fazer a gestão de todos grupos de consórcio, de seus processos  e dos interesses de seus consorciados.

Como funciona a regularização e a fiscalização de uma administradora de consórcio?

Para ser uma administradora de consórcio, uma empresa precisa, em primeiro lugar, estar registrada e autorizada pelo Banco Central do Brasil para exercer suas funções. 

Ele é o órgão responsável pela regulamentação do setor, como a normatização, supervisão e fiscalização, com o objetivo de garantir que todos os processos sejam feitos com eficiência e segurança.

Por isso, a administradora de consórcio deve enviar periodicamente ao BC todas as informações referentes às movimentações financeiras e demais operações realizadas pelo consórcio.

Para saber se sua administradora está devidamente regulamentada, verifique a lista de empresas de consórcio reguladas. Se deseja conhecer as informações consolidadas que ela envia mensalmente, consulte este banco de dados.

Código de defesa do consumidor

Todas as questões relacionadas entre consorciados e administradoras de consórcio estão sujeitas ao Código de Defesa do Consumidor. Por isso, a mediação das questões advindas destas relações devem ser feitas pelos órgãos integrantes do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor (SNDC). 

Como funciona um consórcio e qual é o papel da administradora?

Um consórcio é a união de pessoas que tem como objetivo adquirir um bem em comum.

Todos os meses os consorciados pagam parcelas mensais que são definidas com base no valor do bem a ser adquirido.

A cada mês ocorrem as assembleias, evento realizado para que os consorciados sejam contemplados e passam a ter direito ao uso da carta de crédito. Através dela, eles podem adquirir o bem no qual estão investindo.

Qual é o papel da administradora de consórcio?

Ela é a gestora de todos os processos relacionados ao consórcio. Por isso, ela deve garantir a saúde e o bom funcionamento do grupo, para que  todos os consorciados possam ser contemplados conforme previsto em contrato.

Quais são as obrigações da administradora?

Para que você tenha todas as garantias de que receberá o bem pelo qual está pagando, é fundamental que o consórcio funcione corretamente. Por isso, a administradora de consórcio precisa ser idônea e cumprir com todas as obrigações que estão sob sua responsabilidade. 

De forma geral, algumas de suas funções são:

  • Fazer a análise de viabilidade econômica do serviço.
  • Formar grupos de acordo com características específicas, valor e tipo de bem ou serviço.
  • Calcular o tempo de duração do grupo e número de cotistas.
  • Definir valores dos créditos, os critérios e parâmetros para atualização.
  • Cuidar de toda a contabilidade do grupo, como recebimentos, inadimplências, cobranças, etc.
  • Organizar assembleias, lances e sorteios.
  • Entregar as cartas de créditos e fornecer todas as orientações sobre o uso da mesma.

Como escolher a melhor administradora de consórcios?

Deu para perceber que a administradora é fundamental para o funcionamento do consórcio. Por isso, confira 8 dicas para escolher a sua: 

1. Consulte o tempo de atividade no mercado de consórcios

Quanto mais tempo uma administradora tiver no mercado, maior será sua experiência, nível de idoneidade e confiabilidade, qualidade e variedade na oferta de planos. Você pode buscar informações sobre isso em redes sociais, site da administradora ou consultar o CNPJ da empresa no site da Receita Federal.

2. Verifique se as negociações verbais constam no contrato

Sempre que fizer negociações com uma administradora, faça anotações e guarde mensagens de áudio e texto. Quando for assinar o contrato, verifique se tudo que foi prometido está incluso nele, como valor de taxas, seguros, fundos de reservas, valor das parcelas, formas de pagamento e demais benefícios oferecidos.

3. Informe-se sobre as contemplações

Mesmo que haja diferenças entre uma administradora de consórcio e outra, as formas de contemplação são padronizadas de acordo com as normas e regulamentos do setor. Portanto, fique atento a divergências quanto a isso. Normalmente, elas podem acontecer:

  • Ao fim do pagamento das prestações;
  • Através de sorteios ao longo do contrato. 
  • Através de lance de maior valor, antes do fim do contrato. 

4. Teste a qualidade do suporte e atendimento

Durante o tempo em que você estiver em negociação com a administradora, conheça seus canais de relacionamento com o cliente (telefone, SMS, chat online, e-mail etc.) para avaliar a qualidade e a velocidade de seu atendimento.

5. Entre em contato com clientes já contemplados

Nada melhor que conhecer a opinião de outras pessoas para saber se estão satisfeitas com um produto ou serviço. Por isso, converse com pessoas que já foram contempladas pela administradora de consórcio para conhecer mais sobre ela. 

Você pode pedir referências à administradora, e se ela negar, desconfie.

6. Converse com participantes atuais

Busque informações com quem ainda está participando de um grupo. Para fazer isso, acompanhe os comentários nas redes sociais da empresa e entre em contato para se informar sobre ela.

7. Busque por referências na internet

Através de um computador ou dispositivo móvel e acesso à internet, você pode encontrar um grande volume de informações. Por isso, visite redes sociais, blogs, fóruns de discussão e sites de reclamação online. 

O ReclameAQUI®, por exemplo, reconhece as melhores empresas no atendimento ao cliente. A Bamaq Consórcio recebeu o selo RA1000, um reconhecimento oferecido a ela pela qualidade e excelentes índices em avaliações de atendimento no site.

8. Leve em consideração suas necessidades. 

Independentemente de qual sonho você deseja realizar, é preciso que a administradora de consórcio tenha condição de trazê-lo para a realidade. Por isso, avalie o que você deseja ou precisa e compare com os planos que ela tem a oferecer.

O melhor consórcio é aquele cujos interesses, do consorciado e do consórcio, estão alinhados e gerando uma relação comercial boa para todos. 

A Bamaq Consórcio

Você pode contar com a Bamaq Consórcio para fazer seus investimentos e realizar seus sonhos com muita transparência, economia e qualidade no atendimento.

E para saber o que acontece depois que estiver com a carta de crédito em mãos, baixe o e-book “Fui contemplado pelo Consórcio, e agora?”.

Comece a se preparar desde já para transformar seus sonhos em realidade!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.